Blog da Rede de Inovação no Setor Público

24 de out. de 2016

Supercalifragilisticexpialidocious



Serendipidade. Ou Serendipismo, Serendiptismo ou ainda Serendipitia.
Talvez essa palavra faça parte do seu dicionário. Para mim, foi como ouvir de novo aquela música que Mary Poppins canta a seus pupilos. Algo como uma nova versão de "Supercalifragilisticexpialidocious".
A palavra serendipidade foi criada pelo escritor Horace Walpole em 1754 (e eu, achando que estava aprendendo uma palavra nova...), em uma de suas cartas endereçada a um amigo, referenciando a capacidade dos protagonistas de "Os Três Príncipes de Serendi" realizarem descobertas acidentalmente.
Assim, sem desmerecer a imensa criatividade de Pamela Lyndon Travers e Walt Disney, a pomposa palavra é a criatividade em si! É aquele momento em que, sem estar buscando nenhum tipo de solução para um problema, ela simplesmente aparece, como que por uma peça do destino... É uma coincidência feliz!

Agora, quando fizer uma grande descoberta enquanto canta no chuveiro, ao invés de reproduzir o "Eureka" de Arquimedes, que tal dizer "tive um serendipismo"? ;)
← Anterior Proxima  → Página inicial

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom:) - acasos felizes ocorrem a todo momento (principalmente para quem escolhe aspectos positivos da realidade.

    ResponderExcluir
  3. Este post foi um caso de serendipismo! Adorei o título :)

    ResponderExcluir